Geração e Desenvolvimento

Usinas

PCH Rio dos Índios (Casa de Pedra Energia S/A)

A PCH Rio dos Índios, também construída em Nonoai, é uma sociedade entre a Creral, Central Elétrica Caibi de Santa Catarina e Electra-Power de Curitiba. A construção da PCH Rio dos Índios começou em dezembro de 2010, em 2013 recebeu a autorização da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para operar comercialmente. 
O empreendimento é composto de um reservatório de 25 hectares, canal de 4 km, 305 metros de túnel, 1027 metros de tubulação forçada e duas turbinas modelo Pelton. Uma linha de transmissão de 32 km conduz a energia produzida até a subestação da Celesc em Chapecó de onde é distribuída no sistema interligado nacional.
A PCH tem potência instalada de 8 MW e capacidade para gerar 35 milhões de kWh/ano. 

Usina em números

  • Potência: 8 MW
  • Geração Média Anual: 35 milhões kWh
  • Reservatório: 25 hectares
  • Canal: 4 km
  • Túnel: 305 metros 
  • Tubulação Forçada: 1.027 metros 
  • Casa de Força: 2 turbinas Pelton. 
  • Linha de Transmissão: 32 km 
  • Queda d’água: 250 metros de altura